Believe in me...
#Aprendi que se aprende errando. Que crescer não significa fazer aniversário. Que o silêncio é a melhor resposta, quando se ouve uma bobagem. Que amigos a gente conquista mostrando o que somos. Que os verdadeiros amigos vão com você até o fim. Que não se espera a felicidade chegar, mas se procura por ela. Que quando penso saber de tudo ainda não aprendi nada. Que a natureza é a coisa mais bela na vida. Que um só dia pode ser mais importante que muitos anos. Que ouvir uma palavra de carinho faz bem a saúde. Que sonhar é preciso. Que se deve ser criança a vida toda.

Não sou tão ruim assim. Ainda não matei ninguém.






“Que nas suas primaveras você seja amante da alegria. Que nos seus invernos você seja amigo da sabedoria. E quando você errar o caminho, recomece tudo de novo. Pois assim você será cada vez mais apaixonado pela vida. E descobrirá que… Ser feliz não é ter uma vida perfeita. Mas usar as lágrimas para irrigar a tolerância. Usar as perdas para refinar a paciência. Usar as falhas para esculpir a serenidade. Usar a dor para lapidar o prazer. Usar os obstáculos para abrir as janelas da inteligência.”
Augusto Cury.   (via thiaramacedo)



“Eu estava decidida. Não sobre acabar com a minha vida. Ainda não. Estava decidida a deixar a vida rolar superficialmente, até terminar o colégio. Decidida a jamais me aproximar de alguém. Esse era meu plano. Me formar e ir embora.”
Os 13 Porquês.  (via inverbos)


THEME